breathe

10/23/2013 02:27:00 PM


E se eu morresse agora? Alguém sentiria falta? Meu cérebro não processa uma palavra sequer em português, isso acontece sempre que me desconecto de onde eu vivo/estou, e eu preciso de um esforço enorme para usá-lo. Enfim. Alguém sentiria falta? Eu sei a resposta. Não. E não é sendo negativa, mas sim, realista. Ninguém ligaria. Talvez até se sentissem aliviados, como se finalmente tirassem o peso das costas deles e agora eles podem respirar. Ninguém sente falta de gente chata, que reclama, que se estressa. Ninguém sente falta de gente quietinha, ta, timida mesmo. Com todo o perdão, mas não sentem. Não ligam. Ninguém se importa se uma pessoa feia morrer. Se ela for bonita, então ok, que perda, tão linda, tadinha. Mas se ela não tiver beleza, e um cabelo lindo, se ela não chamar atenção naturalmente, bom, então ninguém se importa. Ninguém vai ligar se uma pessoa estranha, louca, morrer; não seria bom ser livre das subitas mudanças de humor dela? Numa hora ela está mega feliz, e na outra, bem, ela só deseja morrer, porque ninguém sentiria falta mesmo. 


Não gosto de usar clichês, mas "todos os clichês são verdades". É. Sociedade, você é uma merda. Parabéns, de verdade, por ser esse lixo, que só faz com que nos sintamos mal, comparando belezas, como se fossemos produtos, com que sempre sintamos essa sensação filha da puta de não ser boa a suficiente, não sou bonita o suficiente, inteligente o suficiente, uma pessoa o suficiente, e é por isso que sempre sou substituida. 
E por mais que falamos para ignorar, as vezes, não tem como. Gastar dinheiro não adianta, correr atras de pessoas e chorar também não. É foda quando as pessoas nem notam sua presença, e nem sentem sua ausência. E eu tenho medo de que isso nunca mude, por já estar a tanto tempo assim. 
As vezes, eu só quero que a morte chegue como amiga e me leve desse inferno. 
Mas se você ficar, eu também fico. E no fundo, no fundo, eu não quero ir. Eu só quero ter a liberdade de ser feliz. Então, por favor, fique. Sozinha eu não aguento. 

You Might Also Like

0 comentários