Talvez essa coisa de amor não seja mesmo para mim

12/16/2013 02:20:00 PM

Histórias de amor não são comigo. Não consigo escreve-las, não consigo vive-las. O que é um pouco melancólico talvez, já que todos precisamos do amor para vivermos felizes, quero dizer, não dependemos dele; não totalmente. Mas aquela sensação de borboletas no estomago, ela é boa. E eu quase nunca a sinto. Não entendo o porque. Vejo as outras meninas da minha idade, e elas sempre estão envolvidas com alguém. As que não são da minha idade também. Algumas mais novas, outras mais velhas. Tem as que são mais bonitas, e as que são mais feias, o que me revolta, porque até mesmo elas tem alguém. E eu não.


Não é algo que me incomode realmente, sabe? Eu vivo bem sem isso. Não sou fã do gênero "amorzinho", coisas melosas me enojam, prefiro desenhar estrelas ao invés de corações. Não beijo em toda festa que vou, não tenho alguém para trocar sms todos os meses, e tudo bem. Nunca namorei. Nunca quis também. Mas de uns tempos pra cá, isso tem me incomodado, não, não é bem isso. Tem despertado uma certa curiosidade. Tipo assim, por que? Quero saber, só isso.
Não consigo me apaixonar, talvez porque precisamos nos apaixonar por nós mesmos para depois nos apaixonarmos por alguém, ou talvez porque eu não queira perder minha liberdade agora, ou até mesmo porque não tem ninguém que seja bom o suficiente pra mim ainda. É, pode ser isso.




É tão confuso. É tão bonito. Talvez no fundo, lá no fundinho, eu queira alguém. Eu quero. Alguém para me chamar de princesa e me dar o casaco quando eu sentir frio. Alguém para mandar "bom dia <3" todas as manhãs, alguém em quem pensar quando eu ouvir alguma música romântica. Engraçado, só de pensar nessas coisas, já fico querendo "vomitar". Talvez essa coisa de amor não seja mesmo para mim.


Mas e daí? Não precisamos constantemente de alguém para sermos felizes. Precisamos de amigos, de familia, de viagens, precisamos é conhecer o mundo, e tomar sorvete, precisamos tirar foto na Itália, e namorar com o Zac Efron, enquantos somos casadas com Dan Radcliffe, mas temos um caso com Jon Bon Jovi. Precisamos é beijar. Beijar muito, e não vários. Precisamos viver. Talvez essa coisa de amor seja pra mim, porém de uma maneira diferente. Porque toda a forma de amor é válida. Ou talvez, realmente, eu só não precise disso agora. 

-


You Might Also Like

2 comentários

  1. Amor.. é uma palavras estranha pra quem não tem e uma palavra linda pra quem tem.
    Não é que todas garotas da sua idade tem namorados que você vai ter.. Existe uma frase " Acreditamos no amor que achamos merecer " Se você acha que merece um tal amor. Não procure ele e si espere!

    ResponderExcluir
  2. http://sissales.wordpress.com/ tem muitos textos nesse blog que você pode se identificar

    ResponderExcluir